Loading...

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

DMC cria Ferrari FF de 888 cavalos


   Divulgação
Com a alta tecnologia dos dias de hoje, não é preciso ter o carro pronto. Basta uma projeção virtual. É o que fez a DMC com uma Ferrari FF. A preparadora alemã divulgou há alguns dias projeções em três dimensões (3D) da DMC Maximus, versão “vitaminada” do cupê de quatro lugares da marca italiana. 

Mas não pense que se trata de um mero desenho. Para projetar a FF “Maximus”, a DMC escaneou o cupê da Ferrari inteirinho, por todos os ângulos. E a partir das imagens captadas, começou a fazer modificações. A primeira é a mais evidente: a carroceria tem “chapas” feitas com fibra de carbono – o objetivo é reduzir o peso do modelo em 70 kg. 

   Divulgação
Também é possível observar outras mudanças visuais. Há novas tomadas e saídas de ar e um singelo aerofólio fixado na tampa traseira. Mas a principal mudança é sobre o capô. A DMC instalou dois turbocompressores no bloco 6.3 litros V12 para gerar violentos 888 cavalos de potência – pesados 228 cv a mais que os 660 originais. 

Já o torque cresceu 18,2 kgfm e o propulsor passa a despejar parrudos 87,9 kgfm sobre as quatro rodas – o cupê estreou o sistema de tração integral da Ferrari. Com tamanha força, o desempenho não poderia ser fraquinho. Segundo a DMC, a FF Maximus precisa de 3,2 segundos para ir de zero aos 100 km/h. A máxima é de impressionantes 340 km/h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário